Deus é um delírio! Richard Dawkins encerra o primeiro dia de debates na FLIP!

Do blog da FLIP

No ano em que se comemoram 200 anos do nascimento de Charles Darwin e 150 anos da publicação de A origem das espécies, a FLIP recebeu o maior darwinista em atividade no mundo. O britânico Richard Dawkins comentou seus principais livros, como O gene egoísta e Deus, um delírio, e reafirmou sua descrença na existência de Deus. “Sabemos por meio de evidências, não por revelação, tradição e autoridade”, disse ele. No entanto, Dawkins afirmou apreciar a Bíblia, do ponto de vista literário, e obras como as de Bach e Michelangelo, inspiradas pela religião. “Mas claro que isso não prova a existência de Deus”.

Segundo ele, os últimos 150 anos mostraram que Darwin estava certo e que a seleção natural é o processo pelo qual se desenvolve a evolução. O ser humano, porém, é o único animal que luta contra a Natureza e rebela-se contra o princípio darwinista. Apesar de admitir que pode haver “epidemias culturais”, como na moda, na música e no comportamento religioso, Dawkins disse que o darwinismo não explica os processos sociais: “É preciso evitar o darwinismo social e político”.

O autor falou também de duas questões importantes para a humanidade: a consciência e a linguagem. Para o primeiro tema, disse não ter uma teoria. “Se a tivesse, já teria ganho o Nobel”, brincou. Quanto à linguagem explicou que alguns primatas conseguem aprender a linguagem de sinais e adquirem vocabulário, mas não articulam ideias; e que computadores podem disputar partidas de xadrez, mas não sentem nada a respeito disso.

Questionado sobre o que diria a Deus se o encontrasse quando morrer, brincou mais uma vez: “Perguntaria qual deus ele era: Zeus, Mitra, Apolo, um deus asteca, australiano, africano? Ou então simplesmente diria que isso não era evidência suficiente da existência de Deus”.

Veja o trecho em que Dawkins explica qual o sentido da vida, do ponto de vista da ciência.

Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus. Onde está o sábio? Onde está o escriba? Onde está o inquiridor deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo? Visto como na sabedoria de Deus o mundo não conheceu a Deus pela sua sabedoria, aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação. Porque a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.” 1 Coríntios 1:18, 20, 21, 25

Anúncios

Sobre ibrpe

De bem com a vida.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s