Palestinos acham tumba de 4.000 anos na cidade natal de Jesus

Área era habitada pelos cananeus, povo que precedeu o antigo Israel.
Segundo arqueólogo, túmulos intactos da época são raros.

Do G1

Trabalhadores que estavam reformando uma casa na cidade de Belém, onde Jesus teria nascido, segundo a tradição dos Evangelhos, descobriram acidentalmente um antigo túmulo intacto, com vasilhas, bandejas, contas de colar e os corpos de duas pessoas, informou o órgão oficial de antiguidades da Autoridade Palestina.

A tumba de 4.000 anos traz dados sobre os costumes mortuários dos habitantes de Belém durante o período cananeu, antes do surgimento do povo de Israel, afirma Mohammed Ghayyada, do Ministério de Turismo e Antiguidades palestino. As obras, perto da Igreja da Natividade, revelaram um buraco levando ao túmulo, que estava a cerca de um metro de profundidade.
O túmulo foi datado do início da Idade do Bronze, entre 1900 a.C. e 2200 a.C. De acordo com Stephen Pfann, historiador e arqueólogo de Jerusalém, o achado “é uma referência importante a respeito da vida dos cananeus”, povo que ocupou a Palestina na época em que patriarcas bíblicos como Abraão e Isaac teriam vivido.

Muitos artefatos do período já foram achados, mas túmulos intactos são raros, principalmente por causa de saques, explicou ele.

Anúncios

Sobre ibrpe

De bem com a vida.
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s